Jackie O, como é mais conhecida, é um dos mais célebres ícones de estilo de todos os tempos. A ex-primeira-dama dos Estados Unidos deixou a sua marca na história graça ao seu bom gosto e elegância e o seu estilo até hoje influencia a moda. Grandes óculos escuros e peças assinadas por Chanel, Givenchy e Dior – para não falar no seu estilista favorito, Oleg Cassini, são algumas das suas marcas registradas.

Também lembrada pelos seus casamentos com Kennedy e Onassis e as grandes festas que organizada à perfeição, Jackie possuía ainda outra faceta pouco explorada: O amor pelos cavalos – como nos mostra o livro The Private Passion of Jackie Kennedy Onassis, da autora americana Vicky Moon.

Em The Private Passion of Jackie Kennedy Onassis vemos o quão importante foi o papel dos cavalos na vida da primeira-dama. Desde a infância, com seu pônei Buddy, até os dias de primeira-dama, quando os cavalos eram o único refúgio que lhe oferecia paz e privacidade.

Além de ser uma história interessantíssima e pouco explorada, o livro em si é lindo, recheado de imagens históricas e relatos de pessoas que conviveram e viam Jackie não como uma celebridade, mas como uma talentosa amazona.


Jackie O is one of the most notorious style icons of all time. The former first lady of United States left her mark in history thanks to her taste and elegance and her style influences fashion until today. Big sunglasses and clothes signed by Chanel, Givenchy and Dior – not forgetting her favorite designer, Oleg Cassini, are a few of her trademarks.

Jackie is also remembered by her marriages to Kennedy and Onassis and the big parties that she organized in perfection, but there is another aspect of her life that is still little explored: The love for horses – as we can see in The Private Passion of Jackie Kennedy Onassis, written by Vicky Moon.

In The Private Passion of Jackie Kennedy Onassis we see how big was the role of horses in the first lady’s life. Since her childhood with the pony Buddy until her days as first lady, when horses offered her peace and privacy.

Besides being an attractive and little explored story, the book itself is beautiful, full of historical images and memories of those who knew Jackie not as a celebrity, but as a talented horsewoman.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *